OBRA EM ANDAMENTO

Começou na quarta-feira (14), o recape asfáltico da Bragantina até a saída para Iguatu. A administração municipal de Braganey solicitou e o DER (Departamento de Estradas e rodagem) atendeu o pedido. O trecho estava bastante esburacado necessitando de reparos. Agora a população vai contar com asfalto novinho. É mais qualidade de vida para todos, além, da valorização estética da cidade.

PARANÁ
Cada um dos 10,2 mil quilômetros de rodovias estaduais deve passar por recapeamento. O pacote, anunciado como o maior já realizado pelo governo do Paraná, vai consumir R$ 2,3 bilhões. O programa deve durar três anos, com destinação de R$ 750 milhões em 2017. Com dinheiro em caixa – em função do aumento na arrecadação de impostos e da venda de ações excedentes da Sanepar e futuramente da Copel –, a administração estadual decidiu priorizar a recuperação das estradas estaduais.
Segundo a Secretaria Estadual da Infraestrutura e Logística, desde 2012 – quando foram aplicados R$ 660 milhões em recuperação de rodovias –, não se aplicava tanto dinheiro nesse tipo de obra. Mas o pacote anunciado agora seria ainda mais representativo analisando o conjunto de investimento que serão feitos no setor rodoviário, com a promessa de recuperação de toda a malha rodoviária estadual. É importante lembrar, contudo, que investir em obras é uma das exigências como contrapartida para a venda de ações excedentes de empresas como Sanepar e Copel.


                                               ANTES:




Compartilhe: